Top Social

[[[ Por Frutinha - Vânia Filipa ]]]

MUDAR é o sentimento

27 de março de 2014

Há dias em que me apetece mandar tudo para o galheto e mudar de vida. Sinto-me assim hoje. Chegar ao trabalho e apanhar o boss mal disposto e com azia é qualquer coisa que me tira do sério. Eu não errei, não fiz nada de mal, mas ainda assim tenho de o ouvir só porque sim, só porque ele deve ter acordado com os pés de fora da cama sei lá. Cada palavra dele é em tom de ralho, toda eu tremo, fico nervosa, stressada e triste. Fico com uma neura que ninguém imagina; e agora só para piorar a coisa quando fico assim sou invadida por uma má disposição e vómitos; fico com um nó tão grande no estômago que até o ar me incomoda dentro de mim. 

Apetece-me mandar tudo para o galheto, que se dane. Apetece-me despedir e sair daqui para fora; apetece-me tanta vez. Mas depois paro e penso. Não estamos em épocas de nos armarmos em esquisito, afinal de contas recebo sempre a tempo e horas, estou efectiva há coisa de dez anos; coisa que hoje vale dinheiro. Ainda mais quando pretendo iniciar a construção da minha casa, preciso de estabilidade económica. Mas nem isso me deixa mais calma. As vezes trocava isto tudo só para ter um trabalho mais calmo; e quando digo mais calmo digo a nível de ambiente. Pessoas mais bem disposta, sem andar todo o santo dia a ralhar e a pedir as coisas para ontem.

As vezes penso que secalhar era mais feliz como caixa num supermercado, ou lojista numa loja de roupa ou acessórios. Sei lá. É certo que tinha de lidar com pessoas parvinhas, mas aqui também o faço. A diferença está mesmo no ordenado. Estabilidade económica é a ÚNICA razão que me faz permanecer aqui, sem mandar tudo para trás.
4 comentários on "MUDAR é o sentimento"
  1. JÁ VI QUE POR AÍ ESTA EM DIA NÃO :(

    ResponderEliminar
  2. Nos dias que correm uma pessoa quase tem que ouvir e calar, a situação não está nada boa para saltitar de trabalho em trabalho. Acho que é a realidade da maioria, ninguém está satisfeito com o seu trabalho.

    Força*

    ResponderEliminar
  3. Há dias em que de facto uma pessoa não se sente valorizada naquilo que faz. Dá o litro, abdica de muita coisa e os agradecimentos são os que são. Mas a verdade é que a razão vem ao de cima. Uma pessoa podia mandar tudo ao ar e depois? Isto hoje não está propriamente fácil e honestamente até acho que os patrões, sabendo disso, aproveitam-se um pouco. Eu só acho que patrões sofrem todos do mesmo mal, são mesmo todos iguais!

    ResponderEliminar
  4. @Marisa: Mesmo!!! Felizmente já estou em casa :)

    ***

    @Cinderela: é mesmo isso! Infelizmente, mas é. :/

    ***

    @Apimenta: também acho que os patroes se andam a aproveitar disso e muitooooo. enfim como de costume, anda meio mundo a lixar outro meio mundo :/

    ResponderEliminar

Desabafa que faz bem à alma