Top Social

[[[ Por Frutinha - Vânia Filipa ]]]

nunca cuspam para o ar sabendo que lhes pode cair em cima

6 de julho de 2010
O ditado é velho:
"Quem tem telhados de vidro, não deve atirar pedras ao do vizinho."
E é bem verdade.
Lembro-me a uns ano atrás comentar determinadas situações da minha relação com a amiga J, nada de muito grave mas situações de inicio de namoro que me deixavam menos feliz ou de alguma forma incomodada.
As respostas que obtive nunca foram as mais agradáveis, era-me sempre dado a entender que a culpa era eu, que era demasiado exigente, que quem tinha os defeitos e via mal as situações da vida era eu. Nunca me deixei levar, e batia o pé, certa de que tinha razão e que as coisas deveriam ser tal como as imaginava, porque caso contrario não me sentia completamente feliz.
Vejo que foi a atitude correcta e graças a isso hoje posso dizer que tenho uma relação saudável e sou muito feliz.
No entanto sempre estranhei as respostas que me eram dadas, respostas frias... sem sentimento, e quando eu dizia que ela não devia falar assim porque um dia também ia gostar dessas coisas obtive respostas do género: "achas? isso é lamechisse nunca vou querer dessas coisas, deus me livre". E sempre pensei que ou ela era realmente uma pessoa com um feitio muito estranho, e que um dia ia ter a relação mais estranha que alguma vez eu conhecera, ou um dia ia acabar por passar coisas que não desejava, porque o ditado é velho........
Agora, alguns anos depois as coisas confirmam-se, as coisas que eu dizia que não aceitava e das quais ela dizia que eu era incorrecta, exigente, chata.; Hoje quem as está a passar é ela, e 500 mil vezes pior.
E custa ver uma amiga a sofrer, custa sempre.
Mas esta é mais uma prova que a vida pode dar muita volta, e quando dizemos mal de determinada situação sem a conhecermos minimamente e quase num tom de gozo ela acaba sempre por se voltar contra nós.
Post Comment
Enviar um comentário

Desabafa que faz bem à alma