Top Social

[[[ Por Frutinha - Vânia Filipa ]]]

Ginásio, a revolta das gordurinhas

21 de janeiro de 2015
Ontem foi dia de mais uma ida forte ao ginásio; na realidade são sempre mas depois desta pausa de um mês forçado, qualquer coisinha me parece estupidamente forte e custoso.

Sai do trabalho com o intuito de fazer uma aula. Aula de Step fusion e depois logo via como estava.
1hora aos pulos com sobe e desce de step fez-me chegar ao fim vermelha como um tomate e com os bofes de fora. O corpo dizia - Vá Vânia, vamos lá embora que por hoje a coisa chega bem - , mas não, fui teimosa e pensei, que se dane, bora lá fazer uma aula de ABS que a todo o modo é só meia horita e também é só abdominais e pranchas já não me canso muito. 

Ainda a aula não tinha acabado e já pensava para comigo "hum... não vou ficar para a aula de pump" com o intuito de me mentalizar que no fim daquilo ia era para casa. Mas é que ia mesmo!!! porque tava cansada, porque era tarde e mi mi mi... 
Até que acaba a aula.... E eu conheço-me. Adoro pump e à terca-feira quando faço abs é certo e sabido que sigo pa pump. Então e porquê? Porque é na mesma sala, com o mesmo professor e por isso não precisamos de sair para buscar cartão; alem disso no final da aula, ele ainda se sai com um "quem fica para a próxima aula? vamos fazer um bocadinho de pump, trabalhar outros musculos" Mas diz aquilo a rir-se.... Uma pessoa acha sempre que vai ser coisa soft, suave vá. O que é mentira. Ora, como ninguém saiu e todos ficaram para o raio da aula, fiquei tambem só para não dar parte fraca; e vai disto. Assim que ouvi um "hoje é braços" arrependi-me logo e tive quase vai na vai para dizer que assim passava e saia porta fora.

Foram 40 minutos a trabalhar os braços/ombros/costas, ou como disse um dos alunos "a trabalhar do umbigo para cima" Eu juro que a meio da aula me deu quase vontade de gritar "ahhhhhhh desisto" mas não, só não o fiz porque amo pump e porque sempre fiz estas três aulas seguidinhas e no fundo sabia perfeitamente que podia aguentar.

Sei que a dada altura, depois de fazer supino ouvi um "metam o colchão vamos para as flexões" e ai parti-me toda, não sabia se havia de gritar um não ou rir. Um disse "eu ate queria, mas olha os meus músculos não querem" e eu sai-me com um "ehhhhh pahhhhh não sou capaz. Então eu já tou parada há um mês!!!"
O que eu havia de ter dito..... ouvi um "por isso mesmo, tens de fazer que tá ai tantaaaaaaaa energia acumulada, já viste bem?"  E toma lá disto.
Sai do ginásio eram 22h, com banho por tomar e comida pa comer. 23h quando finalmente pude relaxar e me veio um pensamento "amanha vou estar tão arrependida disto".

Não tou arrependida, mas tenho plena noção que foi uma atitude meia louca depois de tanto tempo parada (a semana passada so fui 2x) e tou aqui que nem posso com dores nas pernas por causa do step, na barriga por causa do abs, e nos braços por causa do pump. E tenho cá para mim, que como habitual, logo a noite ainda me vai doer mais ao ponto de o namorado me tocar e so me sai "ai" "ai".


Segue-me em: [ Facebook ] [ Instagram ]
2 comentários on "Ginásio, a revolta das gordurinhas"
  1. ah pois! as dores musculares é o pior depois, quando fico muito tempo sem fazer nada depois parece que fui atropelada nas pernas x)

    ResponderEliminar

Desabafa que faz bem à alma