Amizade vs Maternidade

Vamos falar de amizades e de ser mãe. Na minha experiência as duas coisas juntas nao jogam muito bem.
Tenho pena, muita pena, mas a realidade é esta.
Nunca fui pessoa de muitas amigas, amigas mesmooooo chegadas daquelas a quem podemos ligar as 4h da manha de um dia de semana por exemplo. Tenho muitas pessoas amigas, dezenas, mas aquelas mesmo chegadas, somos um grupo de 3.
Na gravidez como estive de cama vários meses, todos os fins de semana elas vinham ca a casa fazer uma visita. Foram adoraveis e incansáveis.
Até que o Xavier nasceu e tudo mudou.
Continuamos a falar todos dias no nosso grupo do Messenger mas a coisa já não é a mesma.
Nunca mais vieram ca a casa, nunca mais fui convidada para saídas, jantares ou almoços,  nunca mais foi a mesma coisa.
É certo que a disponibilidade e as prioridades mudam, os primeiros 3 meses entao.... Mas, continuo a ser mulher e amiga. Na minha opinião ser mãe nao invalida as outras duas. Mas parece que estou errada, principalmente no meu caso, que fui a primeira pessoa do grupo de todas as amizades a ter filhos.
Acho que vêem o ser mãe como um posto, "ela agora fica la quieta e sossegada em casa com a criança nos braços e pronto, já não tem mais vida". É eu tenho pena, muita pena, tanta que já chorei por isto.
Ser mãe é a melhor coisa do mundo, mas ser mulher tambem e ser amiga tambem. E eu tenho saudades.

Digam -me lá. Também aconteceu convosco?

6 comentários

  1. Ainda não fui mãe, serei em maio, mas até agora as amigas andam todas entusiasmadas até porque são gemeos! Falta saber como será quando nascerem!
    Já pensaste em falar com elas?

    um beijinho

    ResponderEliminar
  2. Não sei se já o fizeste, mas deixo o conselho: procura-as tu. Muitas vezes as amigas ficam sem jeito, não sabem se estão a incomodar, se a outra pessoa continua a querer sair ou se agora prefere estar sempre com o bebé. Não o digo por mal, nem sei se será o caso, mas também há mulheres que se esquecem completamente do resto depois de serem mães e já não são ativas socialmente por opção ou, inconscientemente, porque é isso que passam aos outros.

    Se são mesmo amigas, daquela amizade muito próxima, devias poder dizer-lhes estas coisas, explicar como te sentes.

    ResponderEliminar
  3. Comigo aconteceu exactamente o mesmo, passaram a achar que eu agora não teria a mesma disponibilidade para sair ou jantar, para andar uma tarde num shopping ás compras porque com um bebé que quer mamar e mudar fralda elas não tinham grande paciência… andar sozinha com as amigas ou jantar sossegada com elas não é a mesma coisa com um bebé atrás!

    CA

    ResponderEliminar
  4. Por aqui ainda não fui mãe, serei em Fevereiro, mas no geral tenho amigas que andam super entusiasmadas com a chegada da bebé :) porém não sei se quando nascer será diferente .. é esperar para ver.

    ResponderEliminar
  5. Aconteceu e DE QUE MANEIRA!!…

    ResponderEliminar
  6. Ui Ui como aconteceu!!!! Mas também era de esperar, pois ao longo da minha vida confirmei que amigas/os são muito mas muito dificeis de encontrar

    ResponderEliminar

Desabafa que faz bem à alma